Novela Ribeirão do Tempo: resumo da semana | Novelas da Record

3

A novela Ribeirão do Tempo é uma trama brasileira produzida e exibida pela Record originalmente em 2010. Atualmente, o folhetim é reprisado pela emissora no horário das 14:45hs. Ribeirão do Tempo é o nome da pequena cidade onde se passa a novela. Na história, a empresária Arminda se prepara para construir um grande resort na cidade, porém a população local não vai aceitar muito bem esse projeto. A única excessão será Joca, quem acabará se apaixonando pela moça e ela por ele. Confira abaixo o resumo semanal da novela Ribeirão do Tempo:

Capítulo 104, sexta-feira (28 de julho) – Filomena liga para Tito para saber se ele vai demorar. Ele diz que não sabe e ela desliga o telefone frustrada. Iara diz a Virgílio que achou uma solução menos sórdida para pagar a casa que comprou para sua mãe. Joca entra sem ser visto no casarão de Flores e grampeia os fios da caixa de telefonia. Filomena sente-se sozinha. Patrícia adianta para Flores que ela e Ellen estão preocupadas com o Comando Invisível. Joca diz a Lincon que achou um desrespeito a matéria sobre o casamento. Lincon fica irritado e pede para o detetive ir embora da redação. Arminda recebe flores de Beatriz e fica irritada. Beatriz diz a Larissa que Arminda é a salvação de Nicolau e que pretende fazer uma festa para a futura nora. Flores fala para Patrícia que a tendência dele é apoiar o Comando Invisível, mas ressalta que esse assunto tem de ficar em sigilo. Sereno diz à Marta que ela é a mulher mais linda de Ribeirão. Bruno liga para Nicolau e diz que ele e Teixeira precisam falar com ele. Eles marcam um encontro na boate. Diana conta a Joca que viu Arminda chorando e afirma que no fundo é dele que a executiva gosta. Filomena se produz e se olha no espelho, gostando do que vê. Ela avisa à Clorís que vai esperar Tito para jantar. André conta a Sônia que os pais dele vão viajar e os dois comemoram. Tito chega e diz à Filó que está muito cansado. Ele a beija friamente, embora a elogie. Léia diz a Sancha que não vai perder Flores para Clorís. Clorís diz a Iara que para ficar com Flores precisa eliminar a concorrência. Filomena olha Tito com desejo, mas ele não percebe a emoção dela. Karina chora ao lembrar que Tito está casado com Filomena. A patricinha liga para o senador e os dois marcam de se encontrar.

Veja também – Resumo das novelas:

Quer saber o que acontece na próxima semana na novela Ribeirão do Tempo? A gente conta pra você!

Resumo do que vem por aí na novela Ribeirão do Tempo

Capítulo 105, segunda-feira (31 de julho) – Newton explica a Filó sobre uma caminhada que eles vão fazer. Ela faz algumas perguntas e Tito aparenta impaciência. Bruno confessa a Nicolau que ele e Teixeira ficaram preocupados com o anúncio do casamento dele, pois eles e Arminda têm algumas diferenças. O senador diz aos dois que vai pedir à Arminda para não criar atritos com eles. Diana diz a Arminda que contou para Joca que ela ficou triste depois do casamento. Arminda coloca a adolescente de castigo. Filomena tenta conversar com Tito, mas ele afirma que está muito cansado e precisa dormir. Patrícia e Lincon planejam uma viagem de carro. Carmem visita Filó, que mente que a vida de casada está maravilhosa. Em reunião, Arminda, Bruno e Teixeira explicam a Querêncio sobre a audiência pública. Filomena pede para fazer a caminhada com Tito, Newton e Iara, mas Tito diz que é melhor ela não ir, pois não tem experiência. Arminda explica a Querêncio que se as obras do resort forem paralisadas vai ser um baque para a empresa e para muitas famílias que dependem dos empregos. Flores explica a Nicolau que Querêncio precisa ser ao mesmo tempo contra e a favor do resort. Tito acaba concordando que Filomena participe da caminhada. Virgílio manda Iara observar se vai rolar alguma coisa entre Tito e Filó enquanto eles estiverem acampados. Os quatro começam a trilha. Ajuricaba aconselha Ari a continuar a favor do resort mesmo sabendo que Querêncio é o dono. Filomena pára de caminhar, exausta. Tito fala para ela descansar um pouco. Filomena vê Iara fazendo rapel, fica apavorada e chora, dizendo que não vai conseguir. Nicolau manda Lincon fazer uma matéria sobre o noivado dele com Arminda.

Capítulo 106, terça-feira (01 de agosto) – Tito resolve seguir por outro caminho com Filomena, enquanto Newton e Iara continuam a trilha depois do rapel. Filó fica constrangida por não estar acompanhando o ritmo. Virgílio conta a Clorís que o movimento da pousada ainda não é ideal, mas já é alguma coisa e revela que já foi casado. Lílian diz a Nicolau que não aguenta mais ser maltratada por ele. O senador a agarra na sala de Lincon. Larissa fala para Arminda que ela e Beatriz vão dar uma festa na fazenda em sua homenagem. Filomena pisa em falso algumas vezes e Tito a ajuda. Filomena e Tito chegam só à noite ao lugar onde vão acampar. Querêncio confessa à Marisa e a Esculápio que está preocupado com Filó, por ela ter ido fazer trilha. Patrícia e Lincon realizam os preparativos para a viagem. Indisposta, Arminda não consegue jantar. Diana liga para Joca e conta que Arminda não está legal. Filomena acorda e percebe que Tito já não está mais a seu lado. Ela grita pelo marido, que aparece e diz que acha melhor ela descansar mais um pouco para aguentar a volta. Arminda vê a matéria sobre o noivado na Folha da Corredeira e fica perplexa. Filomena sente dor no pé e fica preocupada. Patrícia e Lincon se despedem de André e partem. Tito carrega a mochila de Filomena para ela acelerar o ritmo. Tito e Iara seguem caminhando. Exausta, Filomena senta e diz a Newton que não consegue mais continuar. Ele vê os ferimentos no pé dela e fica preocupado. Fátima fica entusiasmada ao receber Querêncio. Flores diz a Querêncio que a tela que pintou mostra que ele previu sua missão de libertar o povo sofrido de Ribeirão.

Capítulo 107, quarta-feira (02 de agosto) – Iara começa a tratar o pé de Filomena e empresta uma meia grossa para ela. Tito se mostra impaciente. Filomena continua a caminhada. Querêncio explica ao professor que não sabe o que fazer, pois agora é dono do resort, do qual sempre foi contra. O professor aconselha Querêncio a prometer ao povo que se for eleito vai fazer um plebiscito na cidade para que todos decidam se querem ou não o resort. Ari diz a Arminda que sempre foi a favor do resort, mas agora está confuso, pois seu adversário é dono do empreendimento. O prefeito fala para a executiva que pode continuar a favor do resort se a empresa der uma grana para a campanha dele. André conta a Sônia e a Sérgio que está sozinho em casa. Sérgio fica irritado e diz que quer sair dessa história o quanto antes. Sônia liga para Ajuricaba e diz que vai passar na casa de uma amiga. Querêncio diz aos seus amigos que o povo é quem vai decidir, afinal a voz do povo é a voz de Deus. Ninguém entende nada. Filó caminha apoiada em Tito e depois em Newton. Sônia chega na casa de André e os dois se curtem. Ajuricaba encontra Sérgio na praça e ele diz que deixou Sônia no colégio. O delegado percebe a mentira. Tito chega na pousada carregando Filomena. Clorís e Virgílio se assustam ao verem o pé de Filó todo machucado. Diana conta a Arminda que tirou ótimas notas nas provas, mas a executiva não lhe dá muita atenção, pois está preocupada. Arminda liga para Joca, que não atende, mas depois acaba cedendo. Filomena pede desculpas a Tito por ter atrapalhado a caminhada deles. Querêncio sonha com Eleonora e acorda assustado.

Capítulo 108, quinta-feira (03 de agosto) – Arminda revela a Joca que o prefeito lhe pediu propina e diz que não sabe o que fazer. Sônia diz a Virgínia que tem aula o dia todo. Ela sai de casa e é seguida por Cardoso. Diana acorda atrasada e diz à Arminda que custou a pegar no sono, porque ouviu uns barulhos estranhos. Arminda desconversa e se zanga quando a adolescente pergunta o que aconteceu para ela estar tão animada. Ari manda Virgínia avisá-lo quando Arminda chegar. Cardoso observa Sônia no ônibus e, depois, entrando na casa de Lincon. Cardoso liga para o delegado, que está tomando um depoimento. Ajuricaba pede para Marta avisar Cardoso que assim que puder vai ligar para ele. Sônia e André ficam sozinhos na casa dele, na maior felicidade. Joca pega o gravador que tinha colocado na caixa de telefone da casa de Flores e substitui por outro. A pedido de Ari, Virgínia liga para Arminda, que pede para sua secretária avisar que ela não pode atendê-lo. Cardoso explica a Ajuricaba que Sônia entrou de forma suspeita numa casa e passa o endereço para ele. O delegado não acredita no que ouve e vai até o local. Iara incentiva Filomena a saltar de pára-quedas com Tito. Tito encontra Karina por acaso e os dois se falam, educadamente. Karina diz ao ex-noivo que sente pena dele e de Filomena. Ari vai até o solar conversar com Arminda, que deixa claro que a empresa não pode se arriscar cometendo um ato antiético. O prefeito vai embora furioso. Sônia faz um macarrão grudento para André, que finge que está ótimo. Ajuricaba chega e pergunta a Cardoso se Sônia entrou mesmo na casa de Lincon. Cardoso diz que sim e o delegado fala que vai invadir a casa.

Capítulo 109, sexta-feira (04 de agosto) – Joca ouve a gravação de Flores ao telefone e fica surpreso. Sônia e André estão no maior romance, quando Ajuricaba bate na porta e os manda abri-la. Sônia se esconde e André abre a porta, apavorado. Marta conta a Virgínia que Ajuricaba saiu da delegacia muito perturbado e as duas ficam preocupadas. Com a arma apontada para André, Ajuricaba insiste para o jovem dizer onde Sônia e Sérgio estão. Escondida, Sônia observa tudo. Ajuricaba manda Cardoso revistar a casa. Sônia aparece enrolada numa toalha. Ajuricaba manda Cardoso algemar André. Sônia fala para Ajuricaba que se André for algemado vai ficar nua. Cardoso algema André e Ajuricaba diz ao jovem que ele vai ser preso por pedofilia. Sônia deixa claro que está ali porque quer e chama o pai de ditador. Sônia pede para o pai soltar o namorado. Virgínia liga para o celular de Cardoso e insiste em falar com o marido. Ajuricaba diz que não vai falar e deixa Virgínia muito preocupada. Patrícia e Lincon seguem pela estrada, felizes. Ajuricaba leva André algemado para a delegacia. Ajuricaba liga para Virgínia e diz que Sônia estava na casa de Lincon. Ajuricaba chega à delegacia e manda Virgínia ir para casa com Sônia. Joca ouve mais uma vez a gravação em que Flores conversa com o general e diz que a revolução está avançando. Arminda liga para Joca e pede para ele ir até a empresa. Sônia revela a Virgínia que sempre namorou André e que Sérgio os ajudava a se livrar da perseguição de Ajuricaba. Marta fala para Ajuricaba que a prisão de André é ilegal. Possesso, o delegado afirma que assume os riscos. Filomena pergunta a Tito se ele quer que ela vá com ele para São Paulo. Ele diz que vai ser uma viagem rápida e que ela não precisa ir. Marta dá o telefone para André, que liga para os pais. André conta a Patrícia que Ajuricaba o prendeu e ainda colocou uma arma na cabeça dele. Furioso, Lincon segue em direção a Ribeirão. Arminda conta a Joca que acha que Ari vai se vingar, pois ela não cedeu ao pedido dele. Joca explica a Arminda que grampeou o telefone de Flores e revela que tem quase certeza de que quem tentou matá-lo foi o professor. Cardoso diz a Ajuricaba que fez o exame de corpo delito em André. O delegado manda Cardoso levá-lo para sua sala para prestar depoimento. Arminda diz a Joca que não dá para levar a sério a desconfiança dele em relação ao professor. Joca mostra a arma que carrega e explica que é para protegê-lo. Arminda se assusta. A secretária anuncia Nicolau e Arminda fica atrapalhada. Carmem fala para Sônia que vai avisar Sérgio que André foi preso. Sônia explica a Virgínia que não foi fácil ficar mentindo, mas ressalta que só fez isso porque sabia que seu pai não iria aceitar a verdade. Em depoimento, André diz que se apaixonou por Sônia e ela por ele. Ajuricaba fica possesso. Arminda fala para Joca ir embora naturalmente e cumprimentar o senador. Nicolau vê o detetive e fica invocado. Rui, advogado contratado por Lincon, chega à delegacia para representar André. Rui avisa Ajuricaba que vai entrar com uma representação contra ele na Corregedoria. Sérgio diz à Carmem que está desesperado. Patrícia pede para Lincon dirigir mais devagar. Arminda explica a Nicolau que Joca foi contratado pela empresa para investigar um roubo de materiais na obra. O senador fica desconfiado. Filomena mente para Sancha e Romeu que ela e Tito estão muito felizes. Virgílio liga para Karina e conta que todo mundo percebe que o casamento de Tito e Filomena é uma farsa. Marta diz à Ajuricaba que ele está abusando de autoridade. Virgínia impede que Ajuricaba fale com Sônia. Sônia se arruma como uma prostituta e diz aos pais que escolheu o que quer da vida. O delegado fica pasmo e irritado. Ari vai até a casa do delegado para saber o que está acontecendo e Sônia grita de dentro do quarto que é uma refém. Lincon chega à delegacia, furioso. Nicolau vai até a boutique de Karina e a beija. Patrícia e Lincon ficam chocados ao verem André na cela. Lincon pede para André explicar o que houve.

O que achou da escolha de Ribeirão do Tempo para substituir Amor e Intrigas? Conta pra gente nos comentários! E fique ligado: em breve essa página será atualizada com novos resumos da novela Ribeirão do Tempo!

Você ama essa novela? Compartilhe!