Resumo de “Ribeirão do Tempo”: próximos capítulos da novela

7

A novela “Ribeirão do Tempo” é exibida pela Record de segunda a sexta às 14:45hs. Confira abaixo o resumo do capítulo de hoje:

ÚLTIMO CAPÍTULO, terça-feira (23 de janeiro) – Nicolau se enforca na praça central. Beatriz surta ao encontrar Nicolau enforcado na praça da cidade. Marta se apaixona por Sereno. Depois que o hacker ajuda a esclarecer os crimes da cidade, ele é perdoado pela Justiça. Assim, se junta à policial que ama há muito tempo em segredo. Teixeira pede que Célia viaje com ele para o Chile. Ela aceita e os deixam o país. Arminda assume o cargo que lhe cabe por direito e a fortuna de Querêncio continua nas mãos dele. Ajuricaba e Lincon continuam discutindo após Sônia dar à luz. Marta visita Sereno no manicômio e mostra que seu livro foi publicado. Ao pensar que poderia perder Joca, Arminda corre para o amado e se declara: “Eu te amo”. Joca e Arminda preferem morar cada um na sua casa, em clima de muito romance. Diana comemora a união das duas pessoas que mais gosta neste mundo. Querêncio é feliz ao lado de Marisa e muda a vida do povo de Ribeirão. Querêncio transforma a cidade com sua fortuna e continua tomando os seus drinques, mas sem exageros. Marisa volta para ele, após as mudanças que ele promove na região, sobretudo junto aos mais pobres. Querênco decide não revelar o segredo de Ribeirão do Tempo. Fim.

Notícias relacionadas:

Veja também o que vai acontecer nas outras novelas da Record:

Últimos capítulos de “Ribeirão do Tempo”

Capítulo 225, segunda-feira (15 de janeiro) – Joca se disfarça de mendigo e circula pela cidade. Sereno vai a casa de Flores, que pede para que ele lance um manifesto do Comando Invisível afirmando sua independência política. Karina chega e vai com Nicolau para o comício. Iara decide contar seus segredos para todos e vai até o quarto de Tito, mas encontra Filomena. A filha do prefeito avisa que está deixando a pousada. O comício se inicia. Joca se aproveita da ocasião e se aproxima da casa de Flores. O professor está bêbado, inebriado ao ditar o manifesto para Sereno, que aproveita um momento de distração e liga o gravador. Ele induz Flores a falar sobre seus crimes. Todos ficam tristes com a notícia de que Filomena vai embora. Newton tenta convencer Tito a fazer com que Filó fique, mas o dono da pousada já se deu por vencido. Alfredo corteja Léia. Bem tocado pela bebida, Flores fala sobre todas as mortes e assassinatos. Devido ao nervosismo, Sereno sua demais. O professor estranha e pede que se o rapaz se enxugue. Quando Sereno pega um lenço de seu bolso, deixa gravador cair. Flores fica perplexo enquanto Sereno pega o gravador e guarda no bolso. Ele sai correndo enquanto Flores, muito bêbado e descontrolado, pega um revólver para correr atrás de Sereno. Flores começa a disparar, mas não o acerta. Os dois saem correndo da casa. Joca vê a cena e decide intervir. Jairo, que acompanhado de alguns agentes, escuta os tiros. Sereno chega a beco sem saída. Quando Flores vai disparar, Joca interfere e os dois começam a brigar. O hacker aproveita a briga e foge. O professor lembra do comício perto de sua casa e começa a gritar por socorro. Jairo, que está próximo, ordena que seu agente atire no suposto terrorista. Joca pula o muro e foge. Jairo e seus agente correm atrás do detetive. Flores se recompõe da briga com Joca. Ferido, decide ir até o comício de Nicolau. O professor sobe no palanque e se junta à Karina. Durante a fuga, Joca encontra Sereno mancando. Ele pede que o hacker entregue o gravador para Marisa. Os agentes federais se aproximam e o detetive continua em sua fuga. Flores pede a palavra para Nicolau e começa a discursar. O professor afirma que sofreu um atentado. Joca tropeça durante a fuga e os agentes federais conseguem prendê-lo. Teixeira avisa à Querêncio que deixará de ser inventariante do testamento de Durrel. O advogado convoca todos para comunicar algo. Célia chama Bruno para uma conversa e avisa que além da separação, pedirá metade de seus bens.

Capítulo 226, terça-feira (16 de janeiro) – Durante seu discurso, Flores diz que Joca atentou contra sua vida. Jairo e seus agentes conduzem o detetive até a delegacia. Filomena se despede de Tito. Sentida, ela diz que ficará hospedada no Solar. Filó se despede de todos da pousada antes de sair. Romeu propõe um brinde e Alfredo corteja Léia novamente, que fica constrangida. Elza chega esbaforida e diz que Joca foi preso. Léia desmaia no mesmo instante. Marta se desespera com a falta de notícias sobre Sereno. Joca é escoltado até a delegacia. Ajuricaba acredita que finalmente os agentes federais deixarão a cidade. Durante a reunião, Teixeira conta que queimou um documento deixado por Durrel, onde indicava Arminda como sua sucessora na presidência internacional da empresa. Jairo começa a interrogar Joca. O agente federal não acredita nas palavras do detetive e começa a se irritar. Arminda fica possessa ao pensar na atitude de Teixeira. Claudel avisa que a diretoria na Europa já tinha tomado a mesma decisão, logo a atitude do advogado não faz diferença. Nicolau e Karina ficam preocupados ao ouvirem o relato de Flores, sobre a gravação de sua conversa. Marisa liga para Arminda e conta que Joca foi levado pela polícia. Flores diz para Ajuricaba que Sereno está envolvido no suposto plano terrorista. O hacker entrega o gravador para Marta.

Capítulo 227, quarta-feira (17 de janeiro) – Jairo não deixa que Ventania converse com Joca e decide levar o detetive para Brasília. Marta leva o gravador para a delegacia. Jairo e Ajuricaba ouvem a gravação que incrimina Flores e Nicolau. Tito admite que está destruído com a saída de Filomena. Ari Jumento descobre que Nicolau abusou de Dália.

Capítulo 228, quinta-feira (18 de janeiro) – Ari Jumento procura as autoridades para registrar queixa do assédio de Nicolau a Dália. Leia mobiliza os moradores na praça para defender Joca. Enfurecido de ciúmes, Tito parte para cima de Mateus. Flores convoca imprensa para negar o conteúdo das gravações de Sereno. Joca é recebido com aplausos ao ser liberado da prisão. Sereno chora com Marta ao perceber que será preso.

Capítulo 229, sexta-feira (19 de janeiro) – Marta se emociona ao acompanhar Sereno até a prisão. Após as denúncias, Flores engana Jairo e foge da cidade. Arminda diz a Joca que terá que voltar à Europa: “Nunca vou me esquecer de você”. Nicolau surta ao descobrir que sua candidatura foi revogada e pede que Karina mate Iara. Querêncio se preocupa com Filomena após a separação de Tito.

PENÚLTIMO CAPÍTULO, segunda-feira (22 de janeiro) – Bill leva Querêncio aos túneis da cidade e revela que há ouro em Ribeirão. Após quase morrer, Iara consegue desarmar Karina e chama a polícia. Karina vai para a cadeia.Flores é traído por seus companheiros e atirado no meio do oceano do alto de um helicóptero. Tito se dá conta de que a vida ficou insuportável, corre atrás de Filomena, declara os seus sentimentos e reconquista a jovem, “Te amo com todas as minhas forças”. Querêncio renuncia ao cargo de prefeito e volta com Marisa. Diana fica furiosa ao descobrir que Arminda vai embora para a Europa.

O resumo de Ribeirão do Tempo foi divulgado pela Record e está sujeito a alteração de acordo com a exibição.

Você ama essa novela? Compartilhe!